Estando em Paris nos dias quentes e ensolarados nada é mais gostoso do que pegar uma bicicleta e sair pelas ruas da cidade. Se você pensa que isso só é possível para quem mora na cidade, está muito enganado. Para conhecer melhor Paris de bicicleta basta você utilizar o famoso Vélib (vélo = bicicleta + liberte = liberdade), que estão disponíveis em mais de 1400 estações espalhadas pela cidade. 

Projeto criado em 2007, o Vélib se tornou um grande sucesso e um dos principais meios de locomoção tanto de turistas quanto de moradores da Cidade Luz. Atualmente, são mais de 20 mil Vélibs em circulação, o que é mais do que um convite para apreciar Paris de uma maneira bem mais agradável. 

Para começar a utilizar basta ir até uma das estações, que são uma espécie de autosserviço. Você precisa ter um cartão de crédito com chip e pagar o valor referente ao período que você quer utilizar. Normalmente, a primeira meia hora de utilização é gratuita, estando incluída no valor pago pela adesão, que é € 1,70. Mas se você ficar atento e devolver a bicicleta antes de completar os trinta minutos, é possível utilizar o mesmo crédito por mais vezes. 

As máquinas possuem opção de idiomas inglês, francês, alemão, italiano e espanhol, o que facilita a sua adesão. É possível que seja necessário deixar um valor de “caução”, o que será devolvido no final do período de utilização. Você pode devolver a bicicleta em qualquer um das estações disponíveis em Paris. 

É sempre bom lembrar que as regras de trânsito devem ser respeitadas e que existem ciclo-faixas nas principais avenidas e ruas de Paris. Caso desrespeite as leis de trânsito, você estará sujeito às multas. Você deve sempre ficar atento à mão de direção, aos pedestres e veículos que estão à sua volta para evitar acidentes. 

Contratar carro com motorista em Paris vale a pena?

Ter um carro com motorista em Paris à sua disposição durante a viagem parece um sonho, mas pode ser mais real do que você imagina. Normalmente, é possível alugar um carro nas principais cidades da França e ter o máximo de independência e autonomia em relação aos seus passeios e visitas. Acontece que, junto com isso, você passa a ter que se preocupar com várias coisas, o que pode se tornar um problema e não uma solução. 

Se preocupar com o trânsito, com as rotas, regras de trânsito, etc. pode transformar o que seria um momento gostoso em dor de cabeça e atrapalhar a sua viagem. Além disso, quem não sonha em degustar dos melhores vinhos e champanhes franceses nos jantares e passeios? Se você estiver na direção do carro, pode esquecer! Além do risco de acidentes, você pode ter problemas também com a polícia. 

Carro com motorista em Paris 

Aproveitar todas as vantagens de ter um carro com motorista em Paris para ir aonde quiser é mais fácil do que as pessoas imaginam. Você pode contratar os serviços de uma empresa com qualidade reconhecida no mercado e se beneficiar de todo o conforto e segurança. E o melhor de tudo é que é possível ter um motorista/guia falando português durante os passeios, o que facilita o entendimento das coisas e proporciona uma viagem bem mais agradável. 

A empresa Minha Paris oferece este e outros serviços para você e sua família, tanto para os principais passeios turísticos de Paris quanto para outras regiões francesas. Os motoristas falam português e são altamente capacitados para explicar e conduzir os passageiros com toda segurança e conforto. 

Se você quer saber mais sobre as vantagens de contar com um carro com motorista em Paris, bem como dos serviços da Minha Paris, basta conferir as informações em nossa página ou entrar em contato pelo site. Conheça nossos serviços e aproveite o melhor de Paris!

Em Paris, o metrô é um grande amigo.

Como andar de metrô em Paris

Uma das melhores coisas de Paris é a facilidade de acesso a todos os locais da cidade, através de uma extensa e diversificada rede de metrô. Em média, a cada 500 metros é possível encontrar uma estação e, certamente, haverá um metrô não muito longe do seu hotel (existem mais de 300 estações).

Em qualquer hotel ou loja é possível encontrar mapas da cidade, com o plan de metro (mapa do metrô no verso). Não se assuste com a teia colorida que se apresenta. Usar o metrô requer uma lógica muito simples: procure primeiro a estação de partida, depois, a de chegada. 

Verfique no mapa quais são as conexões das linhas que precisrá fazer até chegar ao destino. A partir daí é só prestar atenção em qual direção deve pegar cada linha até o destino final. As direções representam as estações finais, então, cada vez que entrar numa estação, ou descer lá para fazer uma conexão, é recomenddao já saber três coisas:

- o número da linha;

- a direção a seguir;

- a estação onde se vai descer (para fazer uma conexão ou estação final). 

O metrô de Paris é sempre muito bem sinalizado, mas existem estações enormes, por onde passam mis de 5 lonhas diferentes, então, saber para onde vai é sempre um ganho de tempo. 

Bilhetes : o melhor e mais econômico é comprar um “carnet " de 10 bilhetes, que se pede: “an carné sil vu plé” (un carnet si vous plaît). Também se pode comprar esse carnê nas máquinas, que são muito simples, aceitam cartão e dinheiro e dispõem de instruções em outras línguas, como inglês e espanhol.  O carnê vai custar o mesmo que comprar 10 unidades mas evita-se o desperdício de tempo a cada vez que precisar embarcar em um metrô.

Atenção : é importante manter o bilhete de metrô usado na estação de partida até a sair da estação de destino. Como é possível entrar em algumas estações sem precisar passar por roletas, é muito comum em Paris ocorrerem blitz de fiscalização em diversas estações da cidade. Caso seja parado em uma delas, basta mostrar o bilhete usado. Sem ele terá que pagar uma multa em torno de 45 euros.