Père Lachaise: de rejeitado à preferido e famoso

O cemitério de Père Lachaise é um dos pontos turísticos mais visitados de Paris, principalmente pelo fato de que é lá que estão os túmulos de grandes personalidades internacionais, como Alan Kardec, Jim Morrison e Oscar Wilde. O Père Lachaise foi inaugurado em 1804, alguns anos depois da Revolução Francesa, ainda sob o governo de Napoleão.

O problema é que ninguém queria ser enterrado ali, tanto por causa da distância do centro quanto por não ser uma área indicada pela Igreja. O resultado foi um tremendo fracasso no início, até que alguém teve a grande ideia: com que os primeiros meses do Père Lachaise fossem um tremendo fracasso. Até que alguém teve uma ideia: levar gente famosa (morta, é claro!) para o novo cemitério.

Assim, os restos mortais do Molière e do La Fontaine foram desenterrados e levados ao Père Lachaise, mais de 100 anos após suas mortes, tudo com muita divulgação. Dez anos depois foi a vez do casal Pedro Abelardo e Heloísa de Paráclito, o que novamente chamou a atenção de todos. Com isso, o cemitério de Père Lachaise ficou pop.
Hoje, mais de 200 anos depois, o Père Lachaise continua atraindo um grande número de turistas. São mais dois milhões de visitantes todos os anos, uma verdadeira multidão em busca das tumbas de pessoas famosas, o que lá encontram com fartura. 

Os mais famosos do Père Lachaise

Entre as mais procuradas estão a do astro Jim Morrison (1949-1971), Frédéric Chopin (1810-1849), Auguste Comte (1798-1857), Oscar Wilde (1854-1900), Édit Piaf (1915-1963), Marcel Proust (1871-1922), Allan Kardec (1804-1869), Honoré de Balzac (1799-1850), Georges Méliès (1861 – 1939), etc. 

Alguns túmulos se destacam pela maneira com a qual seus visitantes se comportam ao visita-los. Um deles é do escritor Oscar Wilde, autor de O Retrato de Dorian Gray. É um costume das fãs beijar a tumba, deixando marcas de batom na pedra, o que levou à instalação de um vidro à frente do túmulo para que ele fosse preservado.

Outro que recebe um número tão grande de fãs, que também interagem com o cenário é o túmulo de Jim Morrison, vocalista do The Doors. Pelo fato de que os fãs do roqueiro são bem mais barulhentos, as visitas já vêm sendo encaradas como um problema pela direção do cemitério. Além das reclamações das famílias donas das tumbas ao redor, alguns fãs mais exaltados já tiveram que ser retirados pela polícia. 

Se você vier à Paris, não deixe de conhecer o cemitério Père Lachaise, um passeio que você pode fazer com todo conforto e segurança com a Minha Paris.

Posted in Passeios & Excursões.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


*